NAP

PROJETO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO DA FACULDADE BRASÍLIA - FBr

 

 

 

 

INTRODUÇÃO

 

O Núcleo de Apoio Psicopedagógico visará um atendimento ao estudante que abranja seus aspectos cognitivos e emocionais, sociais e psicológicos, políticos e técnicos, profissionais e financeiros, dentre outros, com vistas ao amplo desenvolvimento do estudante não apenas como alguém em busca de ajuda, mas como cidadão pleno em seus direitos e em suas faculdades pessoais.
Assim observado, sendo assim, o Núcleo de Apoio Psicopedagógico (NAP) precisará desenvolver programas que possibilitem aprofundar nas realidades coletivas e individuais de seus alunos, compreendendo e buscando sanar os possíveis fatores que possam interromper ou dificultar o processo ensino-aprendizagem.
O Núcleo de Apoio Psicopedagógico (NAP) da FACULDADE BRASÍLIA - FBr apresenta-se como uma possibilidade de incrementar o processo ensino-aprendizagem de forma a atender o alunado em suas necessidades individuais e coletivas, emocionais e cognitivas, sociais e científicas, vocacionais e profissionais e em qualquer outra forma de aprender, de ser e de se relacionar com o interdisciplinar e dinâmico mundo do trabalho, bem como com o que precede a esse relacionamento, o mundo do conhecimento do ensino superior.

OBJETIVO GERAL

 

Promover a qualificação do processo ensino-aprendizagem por meio da criação de um canal de comunicação aberto e perene entre o corpo discente e o corpo docente, possibilitando triagens, encaminhamentos apropriados de acordo com as necessidades apresentadas e atendimentos e atividades extraclasse a partir das demandas coletivas e/ou individuais dos estudantes da FACULDADE BRASÍLIA - FBr, em seus mais diversos aspectos, sejam eles de ordem acadêmica, financeira, jurídica, pedagógica, humana, intelectual, linguística, social, relacional, institucional ou psicológica, com vistas ao desbloqueio de qualquer situação problema que possa impedir ou dificultar o devido desenvolvimento cognitivo-profissional na construção do conhecimento técnico, humano e ético do aluno da educação de ensino superior.


Objetivos Específicos:

 

Permitir a livre comunicação entre corpo discente e docente como forma de minimizar dificuldades no processo ensino-aprendizagem;
Possibilitar avaliações psicopedagógicas de alunos com dificuldade de aprendizagem e/ou portadores de necessidades especiais, com vistas ao seu pleno desenvolvimento;
Ampliar a capacidade dos estudantes em seu desenvolvimento biológico,
Psicológico, espiritual, social e acadêmico de forma a construir sua identidade psicossocial e profissional;
Construir um espaço intermitente de debate e de crítica dos temas acadêmicos e dos assuntos político-ideológicos da sociedade brasileira, tendo em vista o desenvolvimento de formadores de opinião e não meros reprodutores de conceitos paradigmáticos pré-estabelecidos;
Desenvolver a socialização e a integração humana e interdisciplinar entre discentes de cursos distintos, com vistas a sua formação ética e interpessoal;
Veicular novas formas de propagação e adesão aos processos comunitários, ecológicos, culturais e artísticos locais e regionais, como forma de fomentar a prática da sustentabilidade e da reconstrução urbanística e sociocultural nos âmbitos municipal e estadual;
Divulgar de forma efetiva as ações internas e externas da FACULDADE BRASÍLIA - FBr, em prol da comunidade acadêmica e das comunidades locais;
Possibilitar um programa de qualidade de vida na esfera acadêmica, como forma de incentivar futuras propostas de qualidade de vida no trabalho, interna e externamente à própria Faculdade;
Fortalecer os vínculos e relações intra-setoriais na Faculdade, como forma de maximizar o conhecimento e consequentemente a autonomia e a mobilização dos estudantes dentro do ambiente da instituição;
Intensificar o sentimento de orgulho, respeito e admiração pela formação superior fornecida pela Faculdade, como mecanismo de elevação da autoestima e do poder de empregabilidade dos futuros profissionais da instituição;
Estabelecer mecanismos de endomarketing que permitam e promulguem o acesso às informações e às atividades relativas ao NAP de maneira cotidiana, ininterrupta e facilitadora aos discentes interessados nos serviços disponibilizados;
Proporcionar condições para o desenvolvimento das inteligências múltiplas no corpo discente com vistas ao desenvolvimento global de sua capacidade profissional, relacional e humana.

 

Desenvolvimento estratégico:

 

O Núcleo de Apoio Psicopedagógico inicialmente terá como meta a divulgação do próprio serviço oferecido aos estudantes da FACULDADE BRASÍLIA - FBr, por meio do portal acadêmico, visitas e exposições em salas de aula, bem como comunicados ao corpo docente e demais funcionários da instituição com vista à plena conscientização das atividades a serem desenvolvidas pelo setor. O Núcleo de Apoio Psicopedagógico, ainda, iniciará suas atividades buscando compreender as demandas específicas de seu alunado por meio de entrevistas individuais aos representantes de turmas, e aos diretórios acadêmicos, bem como por meio de dinâmicas de grupos com alunos interessados no desenvolvimento de programas e eventos que melhorem o processo ensino-aprendizagem.
Haverá ainda, avaliações psicopedagógicas e a disponibilização de um espaço semi-terapêutico individual ou grupal, conforme a demanda de apresentar, com vistas, respectivamente, ao diagnóstico de dificuldades de aprendizagem e ao processo de formação da identidade psicossocial do aluno com dificuldade de adaptação acadêmica e/ou profissional, no sentido de desenvolver um trabalho de orientação profissional e ou existencial ao discente que se sentir conflito socioemocional e/ou vocacional. Endomarketing contínuo explicando, promovendo e estimulando a participação efetiva de todos os setores da Faculdade, em especial pelo corpo discente, principal publico alvo do núcleo.
Plantão psicológico, objetivando a atendimento psicoterapêutico dos estudantes a partir de suas demandas individuais espontâneas, auxiliando nos processos de ensino-aprendizagem a partir do lidar com os conflitos particulares e específicos de cada discente, conflitos estes que estejam interferindo na vida acadêmica e pessoal do aluno.

Serviços prestados:

 

Apresentações expositivas em salas de aula como forma de divulgação, explanação, promoção, ambientação, conscientização e compreensão do Núcleo de Apoio Psicopedagógico e de suas atividades por parte do corpo discente, docente e inclusive por parte dos demais colaboradores e setores da FBr;
Triagens individuais e ou grupais como forma de diagnosticar as demandas do corpo discente;
Oficinas de Orientação Profissional à grupos de acadêmicos;
Escuta terapêutica individual ao estudante;
Avaliações psicopedagógicas em alunos com dificuldades de aprendizagem;
Formação de grupos de estudos com vista ao aperfeiçoamento do aprendizado;
Indicação de aulas de nivelamento para alunos com dificuldades em conceitos da educação básica, em especial nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática;
Oficinas semi-terapêuticas com o fim de ampliação de qualidade de vida e bem-estar pessoal do alunado;
Promoção de eventos, palestras e workshops, de profissionais do mercado de trabalho local e/ou nacional, agregando valor à formação acadêmica do estudante, além da Semana Acadêmica e de outras programações já oferecidas pela Faculdade;
Criação de um sistema de capacitação de alunos com vistas a execução de monitorias;
Consultas individuais e coletivas, bem como oficinas com o corpo docente na busca de soluções para problemas comuns e/ou particulares do processo de ensino e de possíveis conflitos interpessoais advindos do convívio com os alunos;

Resultados esperados:

 

Maior integração entre corpo discente e docente;
Melhor efetividade do processo ensino- aprendizagem;
Ampliação da auto-estima, e auto-conhecimento tanto do corpo discente quanto do corpo docente com consequente ampliação da capacidade de atuação de tais atores;
Soluções para dificuldades de aprendizagem individuais e/ou coletivas;
Maior inclusão sócio-profissional dos estudantes ao mercado de trabalho por meio de estágios e parceria com organizações locais e regionais;
Melhor desenvoltura estudantil por meio de programas de monitoria;
Diagnósticos, terapêuticas e acessibilidade, demandadas pelos alunos portadores de necessidades especiais;
Alunos capazes de posicionamentos e opiniões com ampla capacidade crítica tanto do conhecimento científico quanto de temas ligados ao senso comum e ao cotidiano sociocultural tocantinense e brasileiro;
Corpo discente autônomo tanto em seu processo de escolha profissional e quanto em seu processo de aprendizagem pessoal;
Maior qualidade de vida, bem-estar e prazer, relacionados às vivências no espaço da Faculdade e relacionados à própria vida acadêmica;
Diminuição da evasão acadêmica;
Fortalecimento dos laços humanos e ideológicos, possibilitando movimentos de transformação social e comunitários;
Alunado com desenvoltura intelectual, linguística, interpessoal e intrapessoal além das demais Inteligências múltiplas;
Melhor integração das áreas de conhecimento;
Estreitamento dos vínculos profissionais entre os docentes dos diversos cursos da FACULDADE BRASÍLIA - FBr, bem como entre estes e os demais funcionários da instituição;
Ampliação do espírito de equipe entre os atores do processo ensino aprendizado no aspecto docente, discente e administrativo;
Estudantes integrados ao processo de formação profissional, com boa desenvoltura nas áreas de liderança e de comunicação;
Indicadores de resultados
Serão desenvolvidos instrumentais técnicos de avaliação discente e docente das atividades desenvolvidas pelo Núcleo de Apoio Psicopedagógico, por meio de questionários objetivos e dissertativos, visando à captação das opiniões tanto de professores quanto de alunos de maneira a mensurar os diferenciais disponibilizados pelo Núcleo de Apoio Psicopedagógico ao processo ensino-aprendizagem, a partir dos quais se poderá desenvolver quadros comparativos e estatísticos do processo em questão, observando a efetividade da aprendizagem individual e ou coletiva, antes e depois da presença deste núcleo.

Responsável:

 

Robson Luis de Araújo, Graduado em Psicologia (2000), Pós-graduado em Psicanálise – Sexólogo (2001), Pós-graduado em Análise e Diagnóstico Organizacional (2002), Pós-graduado em Perito em Avaliação Psicológica (2004), Pós-Graduado em Psicopedagogia (2010), MBA em Gestão de Pessoas e Marketing (2006), MBA em Psicologia Jurídica (2009), Mestre em Psicologia (2008), Doutorando em Psicologia (20011), tendo como objeto de estudo a Gestão de Pessoas e a Psicologia Jurídica .Sendo Gestor de Pessoas há 14 anos e Perito Jurídico há 10 anos. Sendo um dos autores do Livro: "O trabalho de quem faz arte e diverti os outros. Ed. PUC, 2010."